Informe

Prezados leitores, atenção!

Informamos que enquanto durar a pandemia instalada pela Covid-19 as devoluções estarão suspensas. Caso o livro do seu interesse esteja emprestado, faça a reserva e a equipe da Biblioteca entrará em contato.

Publicado em 21.09.2020 00:00

Biblioteca Agamenon Magalhães é notícia!

As bibliotecárias Déborah Lins e Iara do Espirito Santo concederam entrevista ao Grupo de Informação e Documentação Jurídicas do Distrito Federal (GIDJ) com as informações sobre o funcionamento da Biblioteca Agamenon Magalhães no período da pandemia de Covid-19. Confira!

Publicado em 22.09.2020 00:00

Agamenon Sérgio de Godoy Magalhães nasceu em Vila Bela, atual Serra Talhada, no sertão Pernambucano, dia 5 de novembro de 1893. Iniciou sua carreira como promotor público do município de São Lourenço da Mata, foi eleito Deputado Estadual por dois mandatos, também para a Câmara Federal e para a Assembleia Nacional Constituinte. Foi Ministro do Trabalho do Presidente Getúlio Vargas e, nas eleições de 1945, elegeu-se Deputado Federal, acompanhado de uma forte bancada pernambucana. Ocupou a presidência da Comissão Constitucional e da Subcomissão da Ordem Econômica e Social.

A escolha de seu nome para a Biblioteca do Cade se deve ao período em que foi Ministro da Justiça e Negócios Interiores do Estado Novo, quando contribuiu com a assinatura da primeira lei brasileira antitruste, chamada de Lei Malaia em alusão às feições asiáticas de Agamenon, que só vigorou por quatro meses, mas, vocacionada para a repressão do abuso do poder econômico, deu o primeiro passo na política antitruste brasileira, pois elencou condutas ilícitas como o cartel, e estabeleceu um controle prévio para fusões e aquisições, além de sedimentar no debate político nacional importantes termos como trust, antitruste e abuso do poder econômico.

A Biblioteca Agamenon Magalhães, do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) , é regulamentada pela Portaria nº 788/2019. Funciona em dias úteis, das 8h às 18h de forma ininterrupta, atendendo servidores, estagiários e intercambistas do Cade, assim como o público externo. Cada usuário interno pode pegar emprestado até 5 livros do acervo do Cade ou das bibliotecas cooperantes, pelo prazo inicial de quinze dias, sendo possível renovar o empréstimo por até cinco vezes. Ao público externo é permitido realizar o empréstimo de até 3 itens do acervo próprio e solicitar livros das instituições cooperantes para leitura no espaço da Biblioteca. Horário de funcionamento: de segunda a sexta, de 8h às 18h.


Acesse sua conta:
Para realizar empréstimos e devoluções, informe login e senha.
    Biblioteca Agamenon Magalhães|(61) 3221-8416| biblioteca@cade.gov.br| Setor de Edifícios de Utilidade Pública Norte – SEPN, Entrequadra 515, Conjunto D, Lote 4, Edifício Carlos Taurisano, térreo